↓↓↓ Video ↓↓↓


BANHO DE SANGUE (REAZIONE A CATENA; 1971) de MARIO BAVA. Áudio em italiano e legendas em português.

Воспроизведение вашего видео начнется через 45

↓↓↓ Video ↓↓↓


0 Просмотры

BANHO DE SANGUE (REAZIONE A CATENA; 1971) de MARIO BAVA. Áudio em italiano e legendas em português. Com Claudine Auger, Luigi Pistilli, Claudio Camaso...

Дата загрузки:2021-09-09T21:10:05+0000

↓↓↓ Video ↓↓↓


Издатель
BANHO DE SANGUE (REAZIONE A CATENA; 1971) de MARIO BAVA. Áudio em italiano e legendas em português. Com Claudine Auger, Luigi Pistilli, Claudio Camaso, Anna Maria Rosati, Chris Avram, Leopoldo Trieste, Laura Betti, Brigitte Skay, Isa Miranda, Paola Montenero, Guido Boccaccini, Roberto Bonanni, Giovanni Nuvoletti, Renato Cestiè e Nicoletta Elmi.

A disputa por um pedaço de terra à beira de uma baía dá início a um banho de sangue que não poupará ninguém que cruzar o local.

No original, o filme chamava-se "Ecologia del Delitto" (algo como “A Ciência de um Crime“, em tradução literal) . Trata-se, na verdade, daquele que os críticos chamam de “um filme menor” de Bava, lançado em 1971. Na época do lançamento nos cinemas italianos, "Ecologia del Delitto" foi um fiasco de bilheteria. Indignado, o distribuidor recolheu todas as cópias, esperou alguns meses e tentou novo lançamento, agora com o filme rebatizado para "Reazione a Catena" (Reação em Cadeia), só que mantendo o título original entre parênteses logo debaixo do novo nome. Não funcionou e continuou sendo um injusto fracasso de bilheteria. Somente anos depois a crítica – e o público – redescobriria esta fantástica obra, que foi lançada ao redor do mundo com todos os nomes possíveis e imagináveis, em cópias com ou sem cortes nas cenas de maior violência. No Brasil, foi exibido nos cinemas como "O Sexo na Sua Forma Mais Violenta". Já nos velhos tempos das fitas VHS, a distribuidora Century lançou o filme duas vezes, ambas em cópia sem cortes. Primeiro com o título "Banho de Sangue" (adaptando “livremente” o título americano "Bay of Blood", que quer dizer “Baía de Sangue“); depois, mandou a fita para as locadoras com o nome "Mansão da Morte", ignorando o fato da trama nãi se passar em uma mansão.

BANHO DE SANGUE foi o filme que definiu muitas das convenções que futuramente engendrariam o “Slasher Movie”, que por sua vez é um subgênero do terror onde um assassino serial coleciona vítimas ao longo da projeção, sempre com muito sangue e violência. Para os efeitos especiais, Mario Bava insistiu para que Carlo Rambaldi fosse o responsável por todo o trabalho de maquiagem das mortes. Duas das mais icônicas mortes do filme inspiraram cenas quase idênticas em "Sexta-Feira 13, Parte 2" ( Friday the 13th Part II; 1982) de Steve Miner.
Категория
Эротика
Комментариев нет.